Pesquisar este blog

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Meu vô Paschoal

Voltando ao assunto "fim do mundo": mergulho no túnel do tempo, empurrado pela Paula e sinto que o passado e o futuro se confundem e se misturam.
Pense naquele caleidoscópio, em preto e branco, das aventuras de Tom e Dowge...
Eu e meu avô, andando pela Luiz Anhaia, num dia de verão no início dos anos 60. Ele segura a minha mão e eu, preocupado com o meu futuro (naquele tempo havia o mote "de mil passastes, de dois mil não passaras", que era repetido zilhões de vezes (a arenga da época era católica) pergunto:
- "Vô, o mundo vai acabar no ano 2000?"
E ele respondeu, com toda a segurança e certeza: "Não, o mundo só acaba para quem morre!"
Não lembro se a resposta dele me tranquilizou ou me apavorou ainda mais, pois a palavra morte, para uma criança, é sempre aterradora, com significados diferentes do que pensam os adultos.
Só sei que hoje discordo do bom vô Paschoal. O mundo não acaba para quem morre. Tudo continua em outras dimensões, em outros espaços, de outras formas...

San Martin

Mausoléu de San Martin

Estive na Catedral de Buenos Aires, na véspera do aniversário da independência portenha. Encontrei o mausoléu de San Martin desta maneira. Afinal, para eles, todas as homenagens ainda são poucas para o herói da independência.

terça-feira, 27 de setembro de 2011

O fim do quiosque "Siri Mole"

Sinto muito anunciar que o quiosque "Siri Mole" fechou as portas (literalmente), na praia de Copacabana. Depois de anos fazendo a festa de quem gostava de uma boa comida baiana na beira mar, o "Siri Mole" encerrou as suas atividades em agosto passado.
O quiosque está em obras e deve reabrir em outubro, como um restaurante de comida italiana. Quem, como nós, aprecia acepipes baianos, agora tem que se deslocar até o Arpoador, para saboarear as delicias do "Siri Mole e Cia", agora só no restaurante.

domingo, 25 de setembro de 2011

Mustafá

O árabe da rua Domingos Ferreira.


Vai uma esfiha de verdura (espinafre)? Ou você prefere comer um tabule, um kibe cru, uma kafta?

Se você está em Copacabana, vá direto ao Mustafá, que fica na Domingos Ferreira, ao lado da Pizzaria Caravelle, quase na esquina da Bolivar. Preços ótimos, atendimento carinhoso. Vale a pena.

P.S.: Não peça por telefone, o atendimento é rápido, mas sempre vem faltando alguma coisa ou um item vem trocado. Chato... Esperamos que possamos dar a notícia que melhorou!

Rincão do Tchê

O Mondo Copacabana recomenda:


Se você quer um restaurante família, com preço bom e ambiente aconchegante, vá ao Rincão do Tchê, na rua Domingos Ferreira, esquina com Barão de Ipanema.

Nossas sugestões: Churrasco do Barão, Feijoada e o Cozido servido aos domingos. Todos os pratos são muito bem servidos (três pessoas comem super bem!)